Buscar
  • Chris Vilhena

ENEM e aquilo que vem depois...



E chega um momento em que os jovens tem diante de si, pelo menos oficialmente e pela primeira vez, a oportunidade de escolher o que desejam estudar.


Ao longo de 13 anos foram sendo conduzidos e apresentados às diferentes áreas de conhecimento e respectivos conteúdos através de uma grade curricular pré-determinada pelo Ministério da Educação. Sua participação nos processos decisórios concernentes a sua escolarização, pelo menos até aqui, limitava-se à definição de onde e, às vezes, em que turno estudar.


Com a aproximação do ENEM o término do Ensino Médio vai se anunciando e com ele a chegada da primeira grande decisão: que formação escolher?


Ser aprovado no ENEM é a preocupação e o sonho de muitos. Mas não são raros os casos em que muitos não sabem o que desejam fazer a partir dali! Não é difícil entender. Desde muito cedo as famosas questões do Vestibular são apresentadas aos alunos. Muito se fala desse “portal” cuja travessia é aspirada por muitos e de fato conquistada somente por alguns.


Há um treinamento rigoroso ao longo de importantes anos de modo a habilitar os jovens a conquistarem sua vaga em uma importante universidade. Há todo um mercado que opera com os números das aprovações no Vestibular. Mas sem querer entrar na discussão pedagógica daquilo que se perde quando se hiperfoca numa etapa (aprovação no ENEM) que mais do que um objetivo em si mesmo deveria ser a resultante de uma jornada bem-sucedida, penso que devamos questionar a atenção dada ao processo que culmina na escolha de uma profissão – “aquilo” que vem depois... Se a esse processo de escolha de uma decisão for dada a devida importância, defini-la não será tão difícil.


Chamo de processo porque toda tomada de decisão organiza-se em torno de algumas etapas que resultam num posicionamento para o qual é possível apresentar os argumentos que os justificam: decido “isso” por causa “disso”!


Cuidar da construção dessa escolha é muito importante. Sua importância não reside no fato de se tratar de uma escolha “para a vida inteira...” Nunca foi e, atualmente, é ainda menos. A importância desse investimento justifica-se, sobretudo, pela oportunidade que o jovem tem de dar os primeiros passos rumo à vida adulta, rumo ao mundo do trabalho, de uma maneira assertiva, alinhada aos seus valores, desejos e necessidades. Como afirma Vanessa Vieira, editora-chefe da Você SA, no editorial da revista cujo tema foi Previdência “o aumento da expectativa de vida está jogando por terra o script que previa uma vida estruturada em três fases: estudo, trabalho e aposentadoria. Segundo especialistas, com o aumento de proporção de centenários no planeta, será cada vez mais comum ter múltiplos empregos ao mesmo tempo e várias carreiras ao longo da vida.”

De todo modo, ainda que ao longo de uma trajetória profissional possamos ocupar diferentes lugares, sabemos que é preciso partir de um. Todos concordamos, também, que aos 16, 17 anos temos muito pouco repertório de vida para saber o que queremos dela. Mas, se uma escolha precisa ser feita ela precisa ser edificada a partir das bases de quem a sustentará. É, portanto, necessário parar para pensar e, para isso, os processos de orientação profissional apresentam-se como um excelente aliado. São serviços que se ocupam de ajudar o jovem na identificação dos referenciais que funcionarão como pré-requisitos para a escolha da profissão. Duram em média 3 ou 4 meses e, a despeito da metodologia utilizada, tem o objetivo de criar as condições favoráveis para que o jovem possa refletir e decidir.


Já que dificilmente encontraremos algo fora se dentro não soubermos o que procuramos, é preciso criar espaço para que além da puxada carga horária do Ensino Médio, dos simulados e revisões de conteúdo, possamos oferecer aos nossos jovens um tempo para pensar em nome do que se dedicam tanto! Que venha o ENEM, mas junto com ele um bom entendimento do que se deseja e a razão disso.


Psicóloga Christiane Vilhena | CRP 12/10679

21 98775-1957 | 48 99168-3706



11 visualizações

© 2019 - Chris Vilhena criado por Ag5521